LIVRE pede divulgação dos números reais do desemprego

LIVRE pede divulgação dos números reais do desemprego

Segundo números provisórios apurados pelo INE, à data de novembro de 2015, havia 637 mil pessoas desempregadas em Portugal, o que corresponde a uma taxa de desemprego de 12,4%. De referir ainda que, segundo a mesma fonte, o desemprego jovem (faixa etária dos 15 aos 24 anos) se fixa nos 33,4%. O LIVRE reitera a necessidade de se implementar medidas urgentes de criação de novos postos de trabalho, em quantidade e qualidade.

Congratulamo-nos com a medida do governo em aumentar o salário mínimo nacional para os 530 euros, decisão que se prevê que beneficie, pelo menos, 650 mil trabalhadores. Mas pedimos mais: queremos que sejam estabelecidas as 35 horas de trabalho semanal, a erradicação dos falsos recibos verdes, das falsas bolsas de investigação, dos falsos estágios, assim como o abuso da contratação a termo, quando estão em causa necessidades permanentes.

Apelamos ainda à divulgação dos números reais do desemprego, já que, conforme estimado pelo Observatório sobre Crises e Alternativas, em março de 2014, à taxa oficial de 13,9%, correspondia uma uma taxa real de 29%.

[fonte da imagem: www.oregional.pt]

Petição

Retribuição Horária Mínima Garantida

Assine aqui a Petição