Atenção! Equipamento Fora de Serviço.

Atenção! Equipamento Fora de Serviço.

O LIVRE solidariza-se com os utentes dos transportes públicos de Lisboa (Carris e Metro), na sua reivindicação de horários alargados, melhores condições, tarifas mais baixas e manutenção das paragens e estações de metro.

As avarias constantes em elevadores, tapetes e escadas rolantes impedem o acesso por parte de pessoas com mobilidade reduzida e dificultam a passagem aos milhares de utentes do metro de Lisboa.

É urgente resolver o abandono a que foi votada a linha verde, com algumas das estações sem a conclusão rápida de qualquer obra de manutenção ou limpeza (Intendente, Anjos e Arroios). Escadas e tapetes rolantes avariados durante meses na Baixa-Chiado e Alameda e Metros circulando apenas com três carruagens desde Fevereiro de 2012 – anteriormente circulava com 4, capacidade máxima da estação de Arroios. Mas as dificuldades não se limitam a essa linha de Metropolitano. A linha vermelha, de construção mais recente, já tem também várias estações com problemas nos seus equipamentos, como é o caso da estação dos Olivais.

A supressão de carreiras ou horários nos autocarros obriga, em alguns percursos, à permanência nas paragens por períodos às vezes superiores a 30 minutos, mesmo em horas de ponta. Um sistema de transportes públicos eficiente, em que os diversos modos se complemente e se articulem, e com capacidade de dar resposta às necessidades dos cidadãos é essencial para a vida de uma cidade como a de Lisboa. Quer na resposta aos movimentos pendulares diários, quer na melhoria da qualidade de vida e ambiental da cidade. Tal implicaria uma redução natural da circulação automóvel, responsável pela maioria das emissões de dióxido de carbono e principal fator de poluição atmosférica.

O LIVRE apela à recém nomeada administração dos Transportes de Lisboa (empresas Carris, Metro de Lisboa, Transtejo e Soflusa) a que reverta a política de cortes que tem vindo a ser aplicada e que fomente um sistema de transportes integrado mais apetecível, funcional e inclusivo em Lisboa.

Hoje, quinta-feira, 25 de Fevereiro, haverá uma concentração promovida pela Comissão de Utentes dos Transportes Públicos de Lisboa, pelas 18 horas, junto à estação de Metro de Arroios.
O LIVRE solidariza-se com essa iniciativa e incentiva à participação na mesma.

 

[fotografia de Carlos Medina Ribeiro]

Petição

Retribuição Horária Mínima Garantida

Assine aqui a Petição