Candidata a:
Assembleia de Freguesia de Penha de França

Marta Loja Neves


Produtora na RTP
Nacionalidade: franco-portuguesa | Naturalidade: Campo Grande, Lisboa | Residência: Misericórdia, Lisboa

Marta Loja Neves estudou Ciências Políticas e Ajuda Humanitária na Bélgica. Em 1999, a convite do Prémio Nobel da Paz José Ramos Horta, fez parte da delegação timorense junto da Comissão dos Direitos Humanos das Nações Unidas e integrou a equipa de Xanana Gusmão, em Jacarta – prisão de Cipinang, aquando do referendo pela autodeterminação de Timor-Leste. Trabalhou durante cerca de oito anos no Parlamento Europeu, essencialmente na área dos direitos humanos e, em especial, no dossier dos chamados voos da CIA e dos prisioneiros de Guantánamo, na reinstalação de refugiados, na situação dos direitos fundamentais na Hungria e na reflexão sobre os recentes e preocupantes recuos em matéria de liberdades civis e de direitos humanos nos países da União Europeia em geral. Depois de 15 anos fora do país, regressou a Portugal em outubro de 2014, fez parte da campanha de António Sampaio da Nóvoa à Presidência da República e trabalha como produtora na RTP.

Áreas de interesse: Abertura e Inclusão, Transparência e Integridade

Apresentação da Candidatura

Envolvi-me na fundação do partido LIVRE em 2013 para fazer as coisas de forma diferente. Até hoje, fui apenas candidata às eleições regionais nos Açores para ajudar à composição de listas. Esta é, por isso, a minha primeira candidatura a primárias do LIVRE e faço-o no contexto da política local não por acaso. É aí que podemos fazer política de proximidade, pôr em prática as ideias do LIVRE e demonstrar que é possível mudar a realidade.

Petição

Retribuição Horária Mínima Garantida

Assine aqui a Petição